Omeprazol causa demência?

demencia_drquelsoncoelho
79 / 100

Omeprazol não causa demência. Mesmo em uso prolongado. É o que sugere os estudos mais recentes.

O uso a longo prazo de inibidores da bomba de prótons (remédios como Omeprazol ou Pantoprazol) afeta seu cérebro?

Um estudo publicado na edição de abril de 2016 da JAMA Neurology causou um alvoroço. Ele revelou uma potencial ligação entre o uso crônico de inibidores da bomba de prótons (IBPs – Omeprazol ou outros semelhantes) e um aumento do risco de demência. Mas estudos posteriores em 2017 e 2018 não confirmaram esse link.

No estudo original de 2016, os pesquisadores compararam a prescrição de Omeprazol e os diagnósticos de demência entre mais de 70.000 adultos livres de demência, com 75 anos ou mais. Para serem considerados usuários crônicos, as pessoas precisavam ter pelo menos uma prescrição de comprimidos de Omeprazol, Pantoprazol ou Esomeprazol durante um período de 18 meses.

Os autores do estudo descobriram que os usuários crônicos de Omeprazol (ou similares) tinham 44% mais chances de desenvolver problemas de memória durante os oito meses de acompanhamento do que as pessoas que não tomavam a medicação.

Leia também: 7 mitos e verdades sobre a Gastrite

No entanto, vários estudos publicados em 2017 não encontraram uma ligação entre IBPs e risco de demência.

Um estudo de fevereiro de 2018 publicado no Journal of the American Geriatric Society também chegou à mesma conclusão. O estudo analisou mais de 3.500 adultos com 65 anos ou mais. Além disso o estudo os avaliou por demência a cada dois anos durante um período de acompanhamento de cerca de sete anos e meio.

Pesquisadores usaram dados de farmácia dos 10 anos anteriores para determinar o quanto as pessoas usaram os medicamentos como o Omeprazol com base na frequência com que eles compravam os remédios. Durante o período de acompanhamento, 24% dos participantes desenvolveram demência, mas os autores do estudo não encontraram associação entre o uso crônico de Omeprazol (ou similares) e o risco de demência. Mesmo entre pessoas que tomavam IBPs diariamente por cinco anos.

Fonte: https://www.health.harvard.edu/diseases-and-conditions/feeling-the-burn-antacids-can-provide-some-relief

Artigos Recentes

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *