Doença Celíaca: descubra se você pode ter

doenca-celiaca-dr-quelson-coelho
90 / 100

O que é doença celíaca?

A doença celíaca é um distúrbio digestivo que ocorre em reação ao glúten, uma proteína encontrada no centeio, cevada, trigo e centenas de alimentos feitos com esses grãos. O sistema imunológico do corpo reage ao glúten e causa danos ao intestino.  Acredita-se que uma em 133 pessoas tem a desordem e precisa seguir uma dieta sem glúten.

Sintomas celíacos: aparelho digestivo

Os sintomas da doença celíaca podem variar de leve a grave. Algumas pessoas não têm sintomas, embora ainda estejam desenvolvendo dano intestinal. Por vezes é mal diagnosticada como síndrome do intestino irritável, doença de Crohn, ou úlceras gástricas. Os sintomas digestivos podem incluir:

Inchaço e dor abdominal
Diarreia
Vômito
Constipação
Fezes claras, com mau cheiro

Sintomas celíacos: Perda de peso

Muitos adultos com doença celíaca não têm sintomas digestivos. Mas a falta de absorção de nutrientes pode levar a outros problemas, incluindo perda de peso e desnutrição. Sinais e sintomas relacionados à perda de peso ou desnutrição podem incluir:

Anemia
Fadiga
Osteoporose
Infertilidade ou aborto espontâneo
Úlceras da boca
Formigamento ou dormência nas mãos e nos pés

Sintomas celíacos: Erupção cutânea

Em algumas pessoas, a doença celíaca provoca uma erupção com coceira e bolhas, conhecida como dermatite herpetiforme. Pode começar com uma sensação de queimadura intensa ao redor dos cotovelos, joelhos, couro cabeludo, nádegas e costas. Muitas vezes ocorre pela primeira vez na adolescência e é mais comum entre os homens do que as mulheres. A erupção geralmente desaparece com uma dieta sem glúten, mas também pode ser tratada com medicação.

Sintomas celíacos: humor e memória

Algumas pessoas com doença celíaca apresentam irritabilidade, perda de memória e dificuldade de concentração. A tensão de ter uma doença crônica pode contribuir para problemas com o humor e a memória, particularmente quando há dor crônica ou fadiga relacionada à anemia.

Doença Celíaca em crianças

Os sintomas celíacos podem começar na infância, quando os pais introduzem alimentos que contêm glúten. Os sintomas podem incluir vômitos, inchaço, dor, diarreia e irritabilidade. A doença pode levar a um retardo importante do crescimento. Crianças com doença celíaca podem ter dentes esburacados, sulcados, descoloridos, ou mal formados. As crianças com um pai ou irmão com a doença devem ser investigadas para a presença da doença.

Alimentos causadores da doença celíaca

O trigo é um alimento muito comum em culturas ocidentais. Assim, muitos alimentos contêm o glúten suficiente para agravar a doença celíaca – pães, bolachas, massas, pizza, bolos, e tortas, por exemplo. Centeio e cevada também contêm glúten, então até mesmo cerveja pode causar problemas para aqueles com a doença.

Alergia a trigo ou doença celíaca?

Doença celíaca e alergia ao trigo envolvem o sistema imunológico, mas a reação dentro do corpo é diferente. A intolerância ao glúten é uma doença autoimune que causa danos ao revestimento do intestino. É uma desordem para toda a vida. Os sintomas da alergia ao trigo incluem uma erupção cutânea, chieira no peito, dor abdominal ou diarreia. A alergia ao trigo é muitas vezes superada após alguns anos.

Doença celíaca ou intolerância à lactose?

A doença celíaca danifica o revestimento interno do intestino delgado, o que pode levar à dificuldade de digerir a lactose, um açúcar encontrado no leite e produtos lácteos. Seguir uma dieta sem glúten permite que o intestino se recupere, e as pessoas com doença celíaca podem descobrir que são capazes de digerir a lactose mais uma vez.

Quem tem a Doença Celíaca?

Embora ninguém saiba exatamente por que, os seguintes fatores colocá-lo em maior risco de desenvolver a condição:

Um membro da família com doença celíaca
Exposição ao glúten antes dos 3 meses de idade
Evento de vida importante, estresse emocional, gravidez ou cirurgia em pessoas geneticamente predispostas
Diabetes tipo 1, doença da tireóide ou outra doença autoimune
Outra desordem genética, como síndrome de Down ou síndrome de Turner

Em pessoas com doença celíaca, o sistema imunológico do corpo é ativado pelo glúten nos alimentos. Anticorpos atacam o revestimento intestinal, danificando, achatando ou destruindo as pequenas projeções (vilosidades) no intestino delgado. Vilosidades danificadas não podem efetivamente absorver nutrientes através da parede intestinal. Como resultado, gorduras, proteínas, vitaminas e minerais são eliminados nas fezes sem serem absorvidos. Com o tempo, isso pode levar à desnutrição.

Doença celíaca no idoso

A doença celíaca pode ocorrer em qualquer idade, mesmo em idosos. As pessoas devem ter uma predisposição genética para o desenvolvimento da doença. Os pesquisadores não sabem por que algumas pessoas desenvolvem uma reação imune depois de anos de tolerância ao glúten. Mas o tempo médio que leva uma pessoa com sintomas a ser diagnosticada é de quatro anos.

Diagnóstico da Doença Celíaca: Testes de sangue

Como os sintomas da doença celíaca podem ser variados, muitas vezes a doença não é diagnosticada ou é mal diagnosticada. Um exame de sangue pode detectar altos níveis de certos anticorpos que sugerem que você tem esse problema. Se os resultados forem negativos, o seu médico pode solicitar testes adicionais, até mesmo uma análise do seu DNA para ajudar a obter um diagnóstico preciso.

Biopsia Duodenal – Classificação de Marshal

A biopsia do intestino delgado pode confirmar os resultados do exame de sangue. Um endoscópio é colocado através da boca e do estômago no intestino delgado e uma pequena quantidade de tecido é removido. A doença provoca danos ou destrói as vilosidades no intestino e isso pode ser avaliado pela biopsia.

Classificação de Marshal modificada:

  • Grau A/Tipo 1: linfócitos intra-epiteliais aumentados mas sem atrofia dos vilos.
    Visto em doentes em dieta sem glúten (sugerindo quantidades mínimas de glúten ou gliadina estão a ser ingeridas); doentes com dermatite herpetiforme; familiares de doentes com doença celíaca, não específicos, podem ser vistos em infecções
  • Grau B1/Tipo 2: vilosidades ainda presentes mas encurtadas
    Espectro de alterações observadas na doença celíaca sintomática
  • Grau B2/Tipo 3: atrofia completa das vilas
    Espectro de alterações observadas na doença celíaca sintomática

Sensibilidade ao glúten

Pessoas com sensibilidade ao glúten têm sintomas semelhantes, tais como dor abdominal, fadiga ou dores de cabeça, mas eles não têm os danos intestinais ou consequências mais graves da doença celíaca. No entanto, uma dieta sem glúten irá eliminar os sintomas.

Leia também:

Intolerância à Lactose: Tudo que você precisa saber

Gastrite: sintomas, causas e tratamentos

Câncer de estômago: sintomas, causas e tratamentos

Queimação no estômago: o que eu preciso saber

7 sintomas de gastrite crônica

Cirrose tem cura? Descubra aqui.

Úlceras gástricas: Tire suas dúvidas sobre

Fonte: www.uptodate.com

Artigos Recentes

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *